Última semana de julho terá umidade do ar parecida com a de deserto em cidades do Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste

Climatologistas alertam para a permanência de ar seco no próximo mês. Veja como fica o tempo.

O Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste de Minas encerram o mês de julho com semana de sol, sem chuvas e permanência de ar seco. Este cenário já vem sendo registrado nas regiões durante as últimas semanas e climatologistas afirmam que deve se manter em agosto. A previsão é de que, desta segunda-feira (25) à domingo (31), os termômetros variem entre 16°C e 31°C.

Segundo Ruibran dos Reis, climatologista do Climatempo, a massa de ar seco presente no Estado continua fazendo um bloqueio à entrada de novas frentes frias, mantendo a baixa umidade relativa do ar e a temperatura estável.

Ar seco

Segundo o climatologista, também é comum que a região tenha sequência de vários dias com o ar seco, como registrados atualmente. À tarde, podem chegar a marcar entre 12% e 15%. “Nível de deserto“, afirma Ruibran.

O ar seco, nesta época do ano, é comum. Principalmente na segunda quinzena do mês de julho e a primeira de agosto“, explicou Ruibran.

Agosto

A previsão para o próximo mês para a região é que a massa de ar seco siga atuando. Ou seja, o sol e o calor devem continuar predominando e as temperaturas se mantêm estáveis.

Quanto à umidade relativa do ar, a climatologista Alcione Wagner informou que o próximo mês deve registrar uma melhora nos níveis apenas na primeira semana, mas logo retorna o ar seco, que predomina.

“Os meses de julho e agosto são os meses que apresentam os piores índices na região. Os modelos ainda indicam a possibilidade de que a situação se mantenha até setembro”, completou Ruibran.

G1

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn