Prefeitura de Patos de Minas realiza treinamento de profissionais em cenário do Coronavírus

Como a Secretaria de Saúde de Patos de Minas está se preparando para possíveis casos de Coronavírus?

A equipe de Vigilância Epidemiológica de Patos de Minas já realizou o treinamento on-line da Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde (UNA SUS) sobre o protocolo de atendimento do Coronavírus e está apta para monitorar possíveis casos suspeitos, bem como coletar e enviar amostras para o laboratório de referência de saúde pública de Minas Gerais, Fundação Ezequiel Dias (Funed/MG).

Os profissionais de saúde serão preparados para reconhecer os sintomas e as situações de risco?

Sim, eles receberão treinamentos e divulgação do protocolo da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES/MG) na próxima semana. Vale ressaltar que o protocolo já está disponível para toda a rede de saúde e que a equipe de Epidemiologia dará todo o suporte necessário.

A confirmação de casos suspeitos em Uberlândia e Uberaba trará alguma mudança/preparo especial em Patos de Minas?

Sim, pois geograficamente são territórios muito próximos e com intenso fluxo de pessoas. Vale ressaltar que, em Patos de Minas, não há casos suspeitos registrados.

Saiba mais!

O que é? O Coronavírus é o nome de uma família de vírus que têm formato de coroa. Eles causam infecções respiratórias e já provocaram outras doenças, como a Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars) e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (Mers). A doença causada pelo novo Coronavírus recebeu o nome de Covid-19.

Ele foi descoberto no final de dezembro de 2019, na China. A primeira morte pela doença foi registrada em 9 de janeiro.

Transmissão: A transmissão pode ocorrer por três formas: por vias respiratórias, como pelo ar e por gotículas provenientes de espirros e da fala de indivíduos infectados; por contato físico, como beijos e abraços, e também por meio de contato com superfícies contaminadas, como maçanetas e corrimões.

Sintomas: Os sintomas da doença são basicamente gripais. Tosse seca e cansaço são os principais deles, mas alguns pacientes podem sentir dor no corpo, congestionamento nasal, inflamação na garganta ou diarreia; e, nos casos mais graves, que geralmente ocorrem em indivíduos que já têm outras doenças associadas, há síndrome respiratória aguda e insuficiência renal.

Prevenção: Dentre os métodos de prevenção contra o novo Coronavírus, a higienização das mãos e superfícies são as principais práticas anticontaminação. A orientação é lavar as mãos com água e sabão ou álcool gel por pelo menos 20 segundos e, mesmo com as mãos limpas, evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca. A limpeza regular e ventilação dos ambientes também é medida fundamental de prevenção. Outra providência importante é não compartilhar itens pessoais, como talheres e toalhas, além de manter uma distância mínima de um metro de pessoas que estejam espirrando ou tossindo.

Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Patos de Minas/ Ministério da Saúde


Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Fechar Menu