Prefeito diz que vai entrar com ação para manter Uberlândia na Onda Amarela do Minas Consciente

Odelmo Leão fez declaração em rede social nesta quinta-feira (10), quando também contestou dados apresentados pelo programa para justificar regressão para a Onda Vermelha. Município já ultrapassou os 23 mil casos da Covid-19.

O prefeito Odelmo Leão (PP) afirmou na noite desta quinta-feira (10), que o Município vai entrar com ação judicial para manter Uberlândia na Onda Amarela do programa Minas Consciente. A afirmação foi feita em vídeo publicado em uma rede social

Anuncio foi feito após a macrorregião do Triângulo Norte ser inserida na Onda Vermelha, divulgado pelo governo do Estado nesta quarta-feira (9). A nova classificação autoriza apenas o funcionamento de estabelecimentos comerciais considerados essenciais a partir do próximo sábado (12).

Na publicação Odelmo discorda dos cálculos feitos pelo governo do Estado, que inseriram a cidade na Onda Vermelha. Segundo ele, a incidência de casos no município em 31 de agosto era de 232 para cada 100 mil habitantes; e uma semana depois, no dia 7 de setembro, era de 250 para cada 100 mil.No cálculo desta semana, colocaram que o nosso crescimento foi de 16%, o que não é verdade, nosso crescimento foi de 7,3%. A positividade do período foi de 34,7%, e o resultado do Estado foi de 54%.

G1

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Fechar Menu