PM age rápido e prende suspeitos de participarem de roubo à fazenda na zona rural de Presidente Olegário

Duas pessoas foram conduzidas para a Delegacia da Polícia Civil na manhã deste domingo (23/01), suspeitos de participarem de um roubo a uma fazenda na região de Lobeiras, na zona rural de Presidente Olegário. Uma caminhonete levada pelos criminosos foi recuperada na cidade de Patos de Minas.

De acordo com informações do tenente Rodrigo Souza, comandante do 5º Pelotão da PM de Presidente Olegário, os militares foram acionados via 190, por volta das 23h40 deste sábado (22/01), onde a vítima relatou aos militares que quatro indivíduos armados tinham cometido um roubo em sua fazenda. De imediatos os militares se deslocaram para a referida fazenda que fica na região conhecida como “Lobeiras”.

No local, a vítima relatou ao militares, que por volta de 21h30, estava em sua fazenda com mais três pessoas, quando foram surpreendidos por 04 indivíduos com os rostos cobertos por camisetas, um deles estava armado com um revólver cromado e dois com pistolas. As vítimas relataram que foram amarradas e deixadas em um cômodo da casa, com exceção de uma mulher que foi trancada em um dos quartos.

Os bandidos passaram a exigir das vítimas dinheiro e ouro, que em tese estariam escondidos na casa. Os bandidos reviraram todos os cômodos da casa em buscas de produtos de valores. Em determinado momentos um dos criminosos perguntou o proprietário da fazenda se ele vendia gás, demonstrando que os bandidos tinham informações privilegiadas sobre o local e vítima.

Os criminosos fugiram do local por volta das 23h, levando diversos materiais de valores, uma arma de fogo tipo garrucha e um veículo Toyota Hilux, cor preta, tomando rumo ignorado. As vítimas relataram ainda que os bandidos aparentavam serem todos brancos, que um era alto e magro, outro baixo e magro com aproximadamente 40 anos e dois deles de estatura mediana e aparentando serem jovens. Diante das informações os militares começaram os rastreamentos por toda a região, contando com apoio de militares de Patos de Minas.

Durante diligências, a caminhonete Hilux foi localizada abandonada na Rua Dilma Amâncio, no bairro Sorriso, em Patos de Minas, dentro da mesma foi encontrado um aparelho celular do proprietário da fazenda. Durante as buscas os militares receberam informações de que um taxista teria ingressado em Presidente Olegário de madrugada com alguns jovens oriundos de Patos de Minas.

O taxista foi identificado e confirmou que realmente foi contratado para fazer uma corrida e, que buscou três jovens por volta de 01h16 deste domingo (23), no bairro Sorriso, sendo que deixou um dos jovens no Bairro Andrezina Pinheiro e os outros dois no Bairro Planalto, em Presidente Olegário. Os militares conseguiram identificar o número do telefone que acionou a corrida, bem como seu proprietário.

Com a ajuda de imagens de vídeo monitoramento os policiais conseguiram chegar até uma residência na Rua Waldson Moreira de Matos, em Patos de Minas, onde foram atendidos por uma mulher, diante do nervosismo da mesma e odor de maconha, ela acabou confirmando que tinha maconha dentro da casa, sendo localizado na mesa da cozinha uma barra de maconha. Como o nervosismo da mulher só aumentava, ela confessou participação no roubo a uma fazenda no município de Presidente Olegário. Ela negou fornecer o nome dos outros suspeitos, afirmou que os recebeu em sua casa após o crime e que ganharia a quantia de R$ 1.000,00, pela participação no delito.

A mulher confirmou que havia mais matérias dos suspeitos do roubo na casa e, indicou um quarto, onde foram encontradas duas blusas de frio, sendo uma exatamente igual a uma usada pelos criminosos, 03 lanternas, um rádio de comunicação, uma mala grande azul, 01 aparelho de celular Samsung. Sendo encontrado ainda um rolo plástico de filme, um caderno com anotações do tráfico, R$ 420 reais em dinheiro, uma balança de precisão. No quarto dos fundos, foi apreendida uma arma de pressão adaptada para funcionar como arma de fogo para calibre .22 com uma munição do mesmo calibre e diversas sementes de maconha.

Um dos militares abriu a porta de um banheiro da residência e encontrou um homem portando uma arma de fogo. Ele foi contido, dominado e preso. A arma apreendida, uma garrucha municiada com duas munições intactas, essa arma pode ser a subtraída durante o furto. Em consulta do sistema de informações, foi constatado que R.S.P, era foragido da justiça por dois mandados judiciais de prisão, com uma condenação de mais de 45 anos da comarca de Ribeirão das Neves e outra condenação de 11 anos da comarca de Patos de Minas. Ele confirmou a participação no roubo a fazenda.

O homem disse ainda que os materiais subtraídos durante o delito foram deixados em área rural na região dos Trinta Paus, que não iria passar mais detalhes. Relatou ainda, que os demais autores seriam todos de Presidente Olegário, que foi convidado por um amigo de Presidente Olegário para participar do roubo, com o qual compartilha ações criminosas; que o grupo tinha informações privilegiadas sobre a vítima do roubo.

Diante dos fatos, ele foi preso juntamente com a mulher e encaminhados com os produtos recuperados para a Delegacia de Polícia Civil de Patos de Minas. Diligências continuam para identificar e prender os demais envolvidos no crime.

PO Notícias

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn