Patrocínio, Patos e Coromandel recebem aporte da União para custear profissionais no tratamento em casa

Sete cidades do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba foram habilitadas pelo Ministério da Saúde para receberem recursos da União para custear equipes de profissionais especializados no tratamento em casa.

A medida, publicada no Diário Oficial da União, beneficia os pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) com impossibilidade ou dificuldade de se locomover até uma unidade médica.

De acordo com o Ministério, o objetivo é reduzir a demanda por atendimento nos hospitais, evitando as internações e reinternações, bem como diminuir o tempo de permanência de usuários internados no SUS.

Patrocínio

A cidade do Alto Paranaíba passa a receber recursos da União para custear uma Emad e uma Equipe Multiprofissional de Apoio (Emap). De acordo com a publicação da portaria, serão destinados, no total, R$ 672 mil por ano ao município, sendo R$ 600 mil para bancar a Emad e R$ 72 mil para a Emap.

Segundo informações da Secretaria Municipal de Saúde, o serviço já era realizado na cidade, principalmente em relação a fisioterapia e uso de oxigênio.

A pasta ainda informou que, com a verba do Ministério, neste mês de janeiro está sendo realizada uma avaliação sobre a necessidade de ampliação desses serviços.

Patos de Minas

Para Patos de Minas, foram habilitadas duas Emad e uma Emap, com soma de repasses anuais de R$ 1,272 milhão. São R$ 600 mil para cada Emad e R$ 72 mil para Emap.

Coromandel

A cidade de Coromandel recebeu a habilitação de uma Emad e uma Emap, com um total de R$ 480 mil por ano. São R$ 408 mil para bancar a Emad e R$ 72 mil para a Emap.

G1

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Romeu Zema anuncia escala de pagamento

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, anunciou, nesta quarta-feira (28/10), a escala de pagamento dos servidores do Estado em novembro. A primeira parcela, com

Fechar Menu