MEC diz que erro em notas do Enem já foi corrigido

Presidente do Inep afirmou em entrevista nesta segunda que o problema afetou 5.974 estudantes.

Alexandre Lopes, presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep), afirmou, nesta segunda-feira (20), que o erro que afetou a nota de quase 6 mil candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 já foi corrigido.

Em entrevista coletiva em Brasília, Lopes afirmou que o problema afetou exatamente 5.974 estudantes, representando 0,15% dos 3,9 milhões de inscritos que fizeram as provas em 3 e 10 de novembro.

A pontuação de todos já foi revisada. Alguns candidatos relataram ao portal G1 que as notas já haviam sido modificadas na Página do Participante.

De acordo com Lopes, 95% dos casos se concentraram em quatro cidades:

  • Alagoinhas (BA)
  • Viçosa (MG)
  • Ituiutaba (MG)
  • Iturama (MG)

No caso da redação, o presidente do órgão afirmou que não houve nenhum problema, pois o procedimento é diferente – “a prova é digitalizada e corrigida”.

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Romeu Zema anuncia escala de pagamento

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, anunciou, nesta quarta-feira (28/10), a escala de pagamento dos servidores do Estado em novembro. A primeira parcela, com

Fechar Menu