Mãe e filho morrem após carro bater em barranco e capotar na MG-190 em Monte Carmelo; pai apresentava sinais de embriaguez

Uma mulher de 40 anos e uma criança de 5 anos morreram neste domingo (19), após o carro em que eles estavam bater em um barranco na MG-190, em Monte Carmelo, e capotar. Segundo o Polícia Militar Rodoviária (PMR), as vítimas não usavam cinto de segurança e o pai apresentava sinais de embriaguez. Ele foi preso.

De acordo com os militares, por volta das 19h40, motoristas que passavam pela rodovia informaram que havia um veículo com sinais de acidente no meio da pista de rolamento. Quando a equipe chegou ao local constatou o fato e ainda verificou que mãe e filho estavam deitados na pista com ferimentos graves. A equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e constatou o óbito no local.

O pai e condutor do veículo relatou à PMR que transitava pela MG-190, sentido Monte Carmelo a Coromandel, quando perdeu o controle da direção do veículo e bateu no barranco do lado esquerdo da pista. Com o impacto, o carro capotou e a mãe e a criança foram arremessadas para fora do veículo.

Bebida e direção

Conforme o Boletim de Ocorrência (BO), os policiais e testemunhas disseram que o pai apresentava sinais de embriaguez, tais com dificuldade de equilíbrio, andar cambaleante, olhos avermelhados, hálito etílico e fala desconexa.

Ao ser questionado pelos militares, o condutor disse que estava na casa do genro dele com um grupo de pessoas, inclusive a mãe, e fizeram consumo de bebidas alcoólicas. Diante dessas informações, os policiais disponibilizaram o aparelho de etilômetro, mas o pai se recusou a fazer o teste.

O condutor foi encaminhado para o pronto-socorro municipal de Monte Carmelo, onde constataram que ele não sofreu nenhuma fratura.

Depois, ele foi preso em flagrante por dirigir veículo automotor sem permissão ou habilitação e embriagado.

O pai foi levado para a delegacia de Polícia Civil em Patrocínio. Os peritos também estiveram no local e depois dos trabalhos de praxe liberou os corpos para o Instituto Médico Legal (IML). O veículo foi removido para o pátio credenciado da PMR.

G1 Triangulo

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Fechar Menu