Instituto emite alerta e tempo em Presidente Olegário deve voltar a ser de chuva nos próximos dias

O início de 2022 será mesmo marcado pelas chuvas em Presidente Olegário e região. Após a maior enchente registrada nos últimos 30 anos, a população olegariense deve voltar a conviver com o tempo chuvoso nos próximos dias. Há a possibilidade inclusive de chuvas intensas.

O INMET- Instituo Nacional de Meteorologia– publicou às 11h00 desta segunda-feira (31/01) um alerta de perigo com probabilidade de ocorrer chuvas intensas em uma grande região do país, que atinge também o Alto Paranaíba e região Noroeste.

A previsão mostra que deve chover até entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, com ventos intensos (60-100 km/h). Há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

De acordo com o Clima Tempo, a previsão para Presidente Olegário é de que a chuva aconteça de forma mais significativa até segunda-feira (07). Na terça-feira (08), a previsão é de que comece a diminuir o volume de precipitação. A temperatura máxima deve girar entre 27° e 30°.

O alerta de chuvas intensas do INMET para as próximas horas deve atingir: “Centro Goiano, Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Leste Goiano, Central Mineira, Zona da Mata, Centro-Sul Mato-grossense, Sul Goiano, Nordeste Mato-grossense, Oeste de Minas, Campinas, Sul/Sudoeste de Minas, Centro Norte de Mato Grosso do Sul, Campo das Vertentes, Norte Mato-grossense, Leste Rondoniense, São José do Rio Preto, Sudoeste Paraense, Ribeirão Preto, Sudeste Mato-grossense, Norte Goiano, Metropolitana de Belo Horizonte, Ocidental do Tocantins, Vale do Rio Doce, Leste de Mato Grosso do Sul, Noroeste Fluminense, Sul Amazonense, Noroeste Goiano, Vale do Paraíba Paulista, Sudoeste Mato-grossense, Noroeste de Minas, Sul Fluminense, Macro Metropolitana Paulista, Distrito Federal, Norte de Minas, Centro Fluminense, Extremo Oeste Baiano, Pantanais Sul Mato-grossense, Sudeste Paraense, Jequitinhonha, Araçatuba, Oriental do Tocantins, Norte Fluminense, Metropolitana do Rio de Janeiro”.

PO Notícias

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn