Idosa de 83 anos é brutalmente agredida com machadada na testa durante roubo em fazenda de Patos de Minas

Uma idosa, de 83 anos, ficou ferida após ser brutalmente agredida por ladrões que roubaram a fazenda que fica na região do curraleiro em Patos de Minas. O filho dela de 64 anos, acionou a PM e relatou que chegou a sede da fazenda e encontrou a mãe toda ensanguentada e o pai de 86 anos prestando auxilio.

O filho disse que mesmo a mãe estando meio tonta e desnorteada, mas conseguiu falar que estava deitada e que o marido saiu para tirar leite, momento que foi rendida por dois indivíduos exigindo dinheiro.

Ao falar que não tinha dinheiro, um dos indivíduos desferiu na sua testa, um golpe de machado, provocando um profundo ferimento. Depois os indivíduos reviraram toda a casa em busca de dinheiro e saíram levando o carro da família, um Fiat Uno, de cor prata.

Passados alguns minutos, o marido da vítima chegou a sede e encontrou a esposa machucada. Uma unidade do SAMU esteve no local e socorreu a idosa para o Hospital Regional, onde ficou em observação médica.

Ainda em conversa com os militares, o esposo disse que por volta das 05h30m, ouviu alguém chamar e bater palmas, porém, não se levantou para ver quem era. Vizinhos relataram para os militares que neste horário, ouviram uma motocicleta andar pela região, mas não souberam passar detalhes.

Durante os levantamentos, a Polícia Militar conseguiu localizar três dos quatros suspeitos envolvidos, sendo dois maiores, 18 e 22 e um adolescente de 15 anos. Continuando com os levantamentos, os militares conseguiram também localizar o carro roubado e a motocicleta usada na ação.

O carro foi encontrado abandonado em um loteamento que fica nas proximidades da Ponte do Rio Paranaíba e a motocicleta foi localizada também abandonada nas imediações da fazenda onde ocorreu o roubo.

Ainda sobre a agressão, um dos envolvidos de 22 anos, assumiu que desferiu o golpe de machado na vítima no intuito dela falar onde estava o dinheiro. A Polícia Militar segue fazendo levantamentos para localizar o último envolvido que já foi identificado.

Clube Notícia

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn