Homem é preso ao levar joias roubadas para derreter na própria relojoaria da vítima

Um homem de 33 anos foi preso e encaminhado para a delegacia depois de tentar derreter ouro roubado em Patos de Minas. Ele foi até a uma relojoaria com algumas peças de ouro pedindo para que o proprietário as derretesse e fizesse outros tipos de joias. Entretanto, o proprietário reconheceu as peças como sendo de sua exclusiva fabricação e acionou a Polícia Militar uma vez que elas haviam sido roubadas em data anterior. O homem acabou na delegacia pelo crime de receptação.

A prisão aconteceu na tarde de segunda-feira (31). De acordo com o Sargento Rocha, o proprietário da relojoaria acionou a Polícia Militar dizendo que um indivíduo teria ido até a sua loja com aproximadamente 60 gramas de ouro pedindo para que ele as derretesse e fizesse outros tipos de joias. Entretanto, o proprietário reconheceu os materiais como sendo de sua fabricação e que teriam sido roubados em uma data anterior.

Os militares foram até o local e conversaram com o homem de 33 anos. Ele disse aos militares que trabalha vendendo carros e que as joias foram frutos de uma negociação. Contudo ele se recusou a dar mais detalhes aos militares. Foram apreendidos brincos, pingentes, anéis, barras de ouro já derretido. Diante disso, o homem recebeu voz de prisão pelo crime de receptação e foi encaminhado para a delegacia juntamente com os materiais apreendidos.

Fonte: Patos Hoje

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn