Golpista promete casamento e milhões de dólares e arranca R$4 mil de mulher em Patos de Minas

O criminoso prometeu casamento e milhões de dólares.

Os estelionatários não param de fazer vítimas. Uma mulher de Patos de Minas perdeu R$ 4 mil ao se envolver amorosamente com um golpista. O criminoso prometeu casamento e milhões de dólares. Para deixar a farsa mais convincente, o criminoso inventou um perfil de médico bem sucedido, forjou um sotaque americano e chegou a postar áudios, fotos e vídeos. O Patos Hoje teve acesso a todas as mensagens e a vítima clama para que o dinheiro seja recuperado.

Segundo a vítima, o golpista, com um número de whatsapp 1 (505) 895 62 85, sempre com palavras carinhosas e a chamando de “amor” disse que era médico bariátrico nos Estados Unidos. Ele falou que era milionário e pediu a vítima em casamento. O matrimônio foi planejado inclusive com preparativo de convidados que viriam ao Brasil apenas para a festa. O golpista também prometeu presentes, como um “automóvel que ela mais gostava de dirigir”.

Mas o golpe veio de outra forma. Postando fotos e vídeos, ele contou que estava enviando dos Estados Unidos para a vítima dois milhões de dólares. Imagens, provavelmente retiradas da internet, mostram as grandes malas sendo colocadas no porta-malas do carro e que depois seriam transportadas de avião até o Brasil. O golpe foi deflagrado em seguida com a mensagem de que as autoridades brasileiras teriam identificado os valores na bagagem e que deveria ser pago uma quantia para liberação das malas.

Foi aí que entrou em cena outro perfil com o número de whatsapp 55 (11) 96070 09 27. Como se fosse uma autoridade brasileira, ele informou que ela deveria depositar os valores para liberação. Infelizmente, a vítima acabou depositando R$ 4 mil no Banco Santander, Agência 0563, conta corrente 01056864-0, em nome de Genivaldo Francisco da Silva, CPF 957.180.284-00. Após o depósito, o criminoso que seria dos EUA disse que precisava de mais R$ 25 mil, porque não havia sido possível a liberação.

A vítima voltou a entrar em contato para tentar resolver a situação e disse que aqueles R$ 4 mil era a única quantia que possuía. Com isso, mais uma vez forjando ter um sotaque americano, ele pediu para que ela fizesse um empréstimo. A partir daí, ela começou a desconfiar e procurou por ajuda. Desesperada, a vítima vai registrar uma ocorrência na Polícia Militar e tentar reaver o dinheiro. “Esse era o único dinheiro que possuía. Eu quero pedir às autoridades para que investigue o caso e nos ajude a recuperar os valores”, clamou.

Os policiais vêm alertando a população a ter o máximo de cuidado ao realizarem transações financeiras. Os golpistas não param de inventar formas para enganar as vítimas e assim conseguir dinheiro fácil. Grandes promessas devem sempre ser alvo de desconfiança. As fotos e vídeos enviados para a vítima devem ser de algum perfil na internet e a prática configura mais um crime dos golpistas.

Patos Hoje

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn