Ex-secretário de Saúde do governo Witzel é preso no RJ

O ex-secretário de Saúde do governo Witzel, Edmar Santos, foi preso na manhã desta sexta-feira (10), em sua casa, em Botafogo, na Zona Sul da capital fluminense.

Ele é investigado por fazer parte uma quadrilha que desviou cerca de R$ 36.922.920,00 dos cofres públicos do estado.

Edmar é apontado pelo Ministério Publico do Rio (MPRJ) como um dos chefes de uma organização criminosa que se instalou na Secretaria de Saúde para desviar verbas destinadas ao combate à covid-19.

Para fundamentar o pedido de prisão, O MP alegou que Edmar poderia atrapalhar as investigações estando em liberdade e que ele possui influência política sobre o esquema.

Sua residência em Itaipava, na região serrana do Rio, também foi alvo de busca e apreensão.

Tanto a prisão quanto os pedidos de busca foram autorizados pela 1ª Vara Criminal Especializada da Capital.

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Fechar Menu