Estudantes são apreendidos com arma de fogo dentro de escola estadual de Patos de Minas

A Polícia Militar levou para a delegacia na tarde desta segunda-feira (06) três estudantes da Escola Agrícola em Patos de Minas envolvidos em uma ocorrência de porte ilegal de arma de fogo. Os garotos disseram que acharam o revólver e iriam “passar um medo” em alguns colegas.

De acordo com o Sargento Wesley, os policiais receberam uma denúncia anônima informando que os adolescentes estavam de posse de uma arma de fogo e foram até a escola. Após muita conversa e informações desencontradas, os militares conseguiram localizar a arma.

O policial informou que o revólver calibre .32 que estava sem munições foi encontrado debaixo de canos de irrigação da instituição, em um local de difícil acesso. A arma havia sido pintada com uma tinta prata recentemente.

Os garotos, sendo um de 15 e os outros dois de 16 anos, relataram que haviam achado a arma. Dois deles moram em Presidente Olegário e, segundo eles, haviam passado por um trote no interior do ônibus. Por isso, resolveram levar a arma para lhes passar um medo.

Eles também relataram que decidiram não entregar a arma para o diretor da escola porque tiveram a informação de que ela poderia render até R$1500,00. A Polícia Militar registrou a ocorrência e repassou para a autoridade policial para as demais providências.

A mãe de um dos adolescentes compareceu à delegacia e mostrou indignada com o filho. Ela disse que já não sabe o que fazer com ele. “Eu faço de tudo para ele. Ele tem uma vida de príncipe e vive aprontando”, disse. A direção da escola informou que tomará todas as providências cabíveis.

Patos Hoje

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Fechar Menu