CDL busca reunião com Administração Municipal para reverter adesão do município ao “Plano Minas Consciente”

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Vazante (CDL) oficiou a Promotoria de Justiça de Vazante para tentar reverter a decisão do Executivo Municipal quanto a adesão ao Programa Minas Consciente do governo do estado.

No Ofício, a entidade pede a promotoria que marque uma reunião com o Executivo para debater o assunto. A entidade alega não ter sido comunicada previamente, que tentou marcar reunião após ter ciência da decisão, mas não conseguiu obter uma resposta.

A entidade espera o posicionamento da promotoria para repassar aos associados.

Nota da entidade

Por Anderson Franque / Montanheza FM 93.5

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Fechar Menu