Carteira de Trabalho física deixará de ser emitida a partir de segunda-feira

A Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) digital será o principal documento para registro de atividades trabalhistas a partir de segunda-feira (2/3). A medida, instituída pela Lei nº 13.874/2019 e pela Portaria nº 1065/2019, diz que a versão física irá deixar de ser emitida nas Unidades de Atendimento do Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT)/Sistema Nacional de Empregos (Sine).

Segundo o Ministério da Economia, contratações serão processadas a partir do número de CPF, tanto para brasileiros como estrangeiros. O documento digital ainda possibilitará a consulta das experiências profissionais anteriores. Além disso, as informações já existentes na carteira, como férias e alterações de salário, serão automaticamente migradas para o cartão digital.

Em Vazante, o documento é feito no setor de identificação instalado no CAC. Entretanto, a partir de segunda-feira, o serviço não estará mais disponível até segunda ordem.

A CTPS física não servirá mais como documento de identificação civil. Para acessar o documento, o usuário deverá fazer o download do aplicativo por meio da Apple Store ou da Play Store. Também é possível cessar via navegador, gov.br/pt-br/temas/trabalho-emprego.

Para quem já é cadastrado basta utilizar o login e senha de acesso. Os não cadastrados podem criar um login.

Anderson Franque com informações EBC

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Fechar Menu