Assaltantes levam cerca de R$ 1 milhão em defensivos agrícolas de fazenda em Lagoa Grande; cerca de 40 funcionários foram feitos reféns

Foto: Hilton Barbosa

Uma quadrilha com cinco integrantes invadiu uma fazenda localizada na zona rural de Lagoa Grande, na noite de domingo (21). A quadrilha estava armada e fez pelo menos 40 funcionários da fazenda de reféns durante a ação. O caso só foi divulgado nesta quarta-feira (24).

De acordo com o boletim de ocorrência, os ladrões armados de arma de fogo e com máscaras de proteção chegaram na fazenda durante a noite. Eles renderam o morador de uma casa que fica na entrada da propriedade e foram até o alojamento fazendo cerca de 40 funcionários reféns.

Um funcionário reagiu a ação criminosa e foi agredido com coronhadas e chutes. Os autores recolheram todos os celulares das vítimas e rádio comunicadores da fazenda; e colocaram em um caixote e informaram onde iriam deixá-los e assim fizeram horas depois do crime.

Durante a ação, os criminosos obrigaram alguns funcionários a carregarem um caminhão com os defensivos agrícolas e outros materiais roubados. Além dos defensivos agrícolas avaliados em cerca de R$ 1 milhão, foram levados R$ 1,6 mil em dinheiro que estava no cofre da propriedade, um veículo Ford Fiesta e R$ 2,1 mil em dinheiro de funcionários e pertences pessoais das vítimas.

Ainda de acordo com a polícia, quando fugiram da propriedade, os ladrões avisaram as vítimas que ficariam do lado de fora da cantina e só deixaria o local quando estivesse próximo a chegada do gerente da fazenda por volta das 5h. Os funcionários só perceberam o silêncio próximo ao horário da chegada do encarregado, momento que saíram e não ouviram mais os autores. A Polícia Militar (PM) foi acionada por volta das 5h da madrugada de segunda-feira (22).

A PM realizou o rastreamento na tentativa de localizar os ladrões e o material roubado. O veículo roubado foi encontrado abandonado em uma estrada de terra próximo ao bairro Paracatuzinho, na cidade de Paracatu. O funcionário agredido foi encaminhado para Hospital Municipal de Lagoa Grande.

Imagens de segurança da fazenda vão auxiliar a equipe da Polícia Civil, coordenada pelo Delegado Dr. Vinicius Volf Vaz nas investigações no roubo. Até o momento, ninguém foi preso.

Fonte: PO Hoje

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn