Águas do Rio Paranaíba não baixam mesmo após 24 horas de estiagem em Patos de Minas

Embora tenha reduzido o ritmo de elevação, até a manhã desta quinta-feira, as águas ainda não davam sinais de redução.

O sol veio com tudo e, contrariando a previsão da meteorologia, Patos de Minas segue sem chuvas a aproximadamente 24 horas (a meteorologia previa chuvas até esta quinta-feira). Mesmo assim, o Rio Paranaíba segue transbordando. Embora tenha reduzido o ritmo de elevação, até a manhã desta quinta-feira, as águas ainda não davam sinais de redução.

A medida no Rio Paranaíba tem sido feita por estimativa, uma vez que a enchente já ultrapassou os marcadores disponíveis. No bairro Jardim Paulistano, os moradores fizeram marcas de 35 cm no poste para acompanhar a elevação das águas e é possível fazer um comparativo. Ontem a água estava no terceiro risco, hoje de manhã chegou ao segundo.

Isso significa que a enchente no bairro Jardim Paulistano está 35 centímetros acima do que estava na manhã de ontem. O número de famílias atingidas pelas cheias também subiu de ontem para hoje, passando de 89 para 101. Já mais de 300 pessoas desabrigadas ou desalojadas pelas enchentes, incluindo jovens, adultos, idosos e crianças.

Nos bairros como Jardim Paulistano, Vila Rosa e São José Operário os barcos ainda tomam o lugar dos carros nas ruas alagadas. Com a estiagem, no entanto, a expetativa é de que as águas do Rio Paranaíba comecem a baixar a partir de agora. A Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Prefeitura e Polícia Militar acompanham de perto a situação em Patos de Minas e nas cidades da região.

Patos Hoje

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn